sexta-feira, 26 de julho de 2013

Mais de 3.500 municípios se inscreveram no Programa Mais Médicos


Em 15 dias o programa recebeu inscrições de 18.450 médicos e de 3.511 municípios 

Divulgação / EBCMais Médicos prioriza investimentos em infraestrutura dos hospitais e unidades de saúde e mais médicos para regiões onde não existem profissionaisAmpliar
  • Mais Médicos prioriza investimentos em infraestrutura dos hospitais e unidades de saúde e mais médicos para regiões onde não existem profissionais
O Programa Mais Médicos, lançado no início do mês de julho pelo governo federal, recebeu inscrições de 18.450 médicos e 3.511 municípios. As inscrições foram necessárias para a implantação do programa, que visa melhorar o atendimento e a infraestrutura de hospitais públicos do País. 
Ao todo, 63% dos municípios do País realizaram a inscrição de solicitação de médicos.  A região com mais municípios inscritos foi o Nordeste, com 1.179, seguido do Sudeste, com 917 municípios. O Sul registrou 806 municípios inscritos, o Norte com 328 e o Centro Oeste, com 281.
Os investimentos do programa abrangem não só a contratação de médicos, mas também a infraestrutura de hospitais públicos. Estão previstos R$ 7,4 bilhões à melhoria de hospitais, inclusive, já estão sendo contratadas a construção de 818 hospitais, 601  Unidades de Pronto Atendimentos (UPAs 24h) e 16 mil Unidades Básicas de Saúde (UBSs).
Para aperfeiçoar a atuação dos médicos no Brasil, o governo vai criar também 11.500 novas vagas em cursos de medicina  e mais 12.000 vagas para cursos de residência médica. 
Com a implantação do Mais Médicos, será possível contratar cerca de 10 mil médicos, que atuarão em regiões em que há carência por profissionais. Os inscritos no programa receberão bolsa federal de R$ 10 mil, paga pelo Ministério da Saúde, mais ajuda de custo e, ainda, farão especialização em atenção básica durante os três anos do programa.

Cadastro

Os profissionais que se cadastraram devem indicar os municípios onde desejam trabalhar até o próximo domingo (28). Para isso, os interessados devem entrar no site do programa, informar o login e senha e listar as seis cidades de sua preferência. 
Inicialmente, as vagas serão destinadas a profissionais com diploma obtido no Brasil ou validado pelo programa Revalida. No dia 1º de agosto, o governo divulgará a lista de profissionais com registro profissional no Brasil selecionados para o Mais Médicos. Eles terão até o dia 3 do mesmo mês para homologar sua participação no programa e assinar um termo de compromisso. No dia 5 de agosto, os nomes dos médicos brasileiros serão validados no Diário Oficial da União. A previsão é abrir um novo ciclo de inscrições no dia 15 de agosto.

Investimentos
Além do investimento em equipes e profissionais, o Ministério da Saúde está investindo R$ 15 bilhões até 2014 em infraestrutura dos hospitais e unidades de saúde.
Desses, R$ 2,8 bilhões foram destinados a obras em 16 mil Unidades Básicas de Saúde e para a compra de equipamentos para 5 mil unidades; R$ 3,2 bilhões para obras em 818 hospitais e aquisição de equipamentos para 2,5 mil hospitais; além de R$ 1,4 bilhão para obras em 877 Unidades de Pronto Atendimento. O programa, que é resultado de parceria entre Ministério da Saúde e da Educação, prevê, ainda, recursos novos de cerca de R$ 5,5 bilhões para construção de 6 mil UBS e reforma e ampliação de 11,8 mil unidades e para a construção de 225 UPAs e R$ 2 bilhões em 14 hospitais universitários.

Mais Médicos

O Programa Mais Médicos faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do SUS, que prevê investimento em infraestrutura dos hospitais e unidades de saúde, além de levar mais médicos para regiões onde não existem profissionais. As vagas serão oferecidas prioritariamente a médicos brasileiros, interessados em atuar nas regiões onde faltam profissionais. No caso do não preenchimento de todas as vagas, o Brasil aceitará candidaturas de estrangeiros.

Fonte:
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Fernando Lúcio: E-mail: donainesonline@hotmail.com. Tecnologia do Blogger.