quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Funcionários do abatedouro da Guaraves paralisam atividades e fazem protesto

Eraldo Luiz, assessor da empresa (Foto: reprodução/Facebook)
Eraldo Lúiz Assessor de imprensa da Guaraveis
Reivindicações sobre as condições de trabalho, assédio moral, repressões, entre outras, fizeram com que funcionários do Abatedouro da empresa Guaraves, na saída de Guarabira para Araçagi, paralisassem suas atividades na manhã desta quarta-feira (4).
Os trabalhadores da instituição deram início a paralisação por volta das 4h desta quarta. A movimentação foi iniciada por trabalhadores do setor de desviceração, do qual dependem as outras áreas da produção.
Segundo Sebastião, representante da Central Única dos Trabalhadores – CUT, a entidade e outras representações foram procurados pelos funcionários da empresa para que o movimento fosse organizado.
Participante do Movimento Lutas de Classes, Emerson disse que foi convocado pelos funcionários que estão se sentindo prejudicados, alegando que a empresa não está cumprimento com algumas obrigações juntos aos mesmos.
Eraldo Luiz, assessor da empresa, disse que a empresa tem um compromisso com o desenvolvimento de Guarabira e um carinho enorme pelos seus funcionários, por isso, a diretoria não deixará de dialogar.
Encabeçam a parada integrantes do Movimento Luta de Classes, e de vários sindicatos, como o dos Trabalhadores das Indústrias Urbanas.

portalpagina1
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Fernando Lúcio: E-mail: donainesonline@hotmail.com. Tecnologia do Blogger.